Fatel

Notícias

Inovação e seletividade

“Inovação e Seletividade, duas palavras que impactarão o futuro promissor profissional.”

“Inovação e Seletividade, duas palavras que impactarão o futuro promissor profissional.”

O mundo se encontra totalmente globalizado e onde a tecnologia da informação através da inteligência artificial tem realizado mudanças substancias que afetam o futuro promissor de diversos profissionais.

Se nos dispusermos a fazer um breve histórico, do antes e o agora podemos encontrar diferenças no mercado laboral e nos demais mercados, onde a globalização e os avanços tecnológicos influenciam na empregabilidade ou mesmo no empreendedorismo.

Os profissionais e empreendedores tem dificuldade em manter o seu orçamento doméstico e me parece que o futuro se apresenta com diferenciais qualitativos que não encontram sincronia racional com o atual nível de capacitação e qualificação dos profissionais.

Nesse universo de incertezas encontramos as INOVAÇÕES derivadas da tecnologia da informação, precisamente a inteligência artificial, que através da nanotecnologia, robotização e similares, produzem máquinas que substituem o profissional.

No primeiro momento determinadas profissões que realizam atividades laborais repetitivas mecânicas e de fácil realização podem afetar a empregabilidade desses profissionais, mas no segundo momento já temos máquinas com maior capacitação, pois hoje, ela tem maiores recursos, tais como: Machine Learning, Deep Learning, Redes Neurais, Nuvens, Big Data, e demais.

A palavra SELETIVIDADE está sendo muito utilizada em nosso cotidiano, diante de um mundo globalizado e com inteligência artificial em evidência, ela nos afeta em toda nossa existência.

Somos seletivos em nossas escolhas, e procuramos proceder as melhores para que possamos ter um futuro promissor.

Podemos dizer que DEUS foi altamente seletivo na escolha dos habitantes do Brasil, portanto um país com riquezas naturais, terras férteis e mão de obra abundante e barata, poderia ser do primeiro mundo, mas a seletividade nos inibiu.

MERCADO

“Após 2020, caso não tenha uma Educação de Qualidade, ou uma profissão que tenha futuro, NÃO SE PREOCUPE, mas na dúvida pague um PLANO FUNERÁRIO OU FUNERAL, onde todos nós marcamos encontro, o fator é o tempo”.

Em face da crise econômica, muitas empresas buscam uma redução do controle de custos e despesas e muitas investem em tecnologia para substituir a mão de obra, provocando um grande número de desempregados, que por não ter uma educação de qualidade, ficam procurando recolocação sem a capacitação e qualificação que o mercado deseja.

Vejo com certa preocupação um exército de desempregado em fila de busca de emprego, e lamento que não consiga entender que o desemprego é sistêmico, mesmo que sejam acolhidos temporariamente por esse mercado.

O universo de empresas no Brasil e composto de empresas que estão recebendo uma concorrência mundial, ou seja, com evidente redução de faturamento, sem um investimento em tecnologia, dificulta a sua sustentabilidade e sua continuidade e com futuro incerto.

As empresas que conseguiram se manter em 2019, e terão que encarar o 2020, com uma realidade mais voraz deve refazer seu planejamento, transparência, controle interno e se adequar a globalização e a inteligência artificial.

Os profissionais sabem que devem focar em sua especialização para que possam tentar sua recolocação ou mesmo empreender nesse mercado, mas suas perspectivas são discutíveis.

Muitos profissionais optam por outra atividade, mas sabem que é somente um hiato temporal, tais como motorista de aplicativos, pequenas atividades que possam ajudar o seu orçamento, essa a realidade do sistema atual.

Outros procuram sair do Brasil, para tentar um futuro melhor, mas também não está tão fácil, haja vista as condições da Economia do país de destino e sua realidade.

O físico Marcelo Gleiser foi muito feliz quando nos informou que diante da globalização e a inteligência artificial “O FOCO ESTÁ NO PROFISSIONAL E NÃO NO DIPLOMA”, apesar de termos diversas interpretações dentre muitas podemos dizer que o mais importante é sua capacitação, know how, expertise e seus valores e princípios.

A EDUCAÇÃO DE QUALIDADE deve gerar um ser humano mais consciente dos recursos naturais e saber encontrar uma atividade econômica que contenha seu orçamento, eis aí o grande segredo, pois o que muda o mundo são suas boas ações.

É fato que muitos não acompanharão essa evolução tecnológica e ficará a margem dos estudos fazendo parte da estatística decadente, mas só uma minoria logrará êxito.

“O exército de INÚTEIS e ZUMBIS cresce exponencialmente e a minoria elitizada e os governos devem observar, caso contrário serão envolvidos, eis a questão.”

AUTOR: Elenito Elias da Costa, ainda um sobrevivente.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Outubro/2020
D S T Q Q S S
    010203
04050607080910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Cotação Dólar