Fatel

Notícias

Entenda os códigos e nomenclaturas das transferências internacionais

Saiba quais são, o que significam, e para que servem alguns códigos utilizados no mercado

Ao trabalhar com transferências internacionais alguns códigos podem aparecer, e cada um deles é muito importante para o sucesso da transferência.


Confira o que cada código significa e qual o seu propósito:


SWIFT/BIC

O SWIFT/BIC é o código que identifica a instituição financeira em uma transferência internacional. O código SWIFT é constituído de 8 a 11 caracteres, sendo que os 8 primeiros são obrigatórios e os 3 últimos opcionais: XXXX (Instituição); XX (Código do país); XX (Código de localização); XXX (Agência).


CNAPS

O CNAPS (Sistema Nacional de Pagamentos Avançados da China) é atribuído a todos os bancos da China, incluindo bancos estrangeiros. Ele torna mais eficiente o processamento de pagamentos domésticos em renminbis (moeda oficial chinesa) entre os bancos e facilita as trocas bancárias internacionais. O código CNAPS não substitui o código Swift, mas é um complemento essencial para transferências na China.


IBAN

O código IBAN (International Bank Account Number) é um padrão usado para a identificação de contas em uma transferência internacional. Ele pode ser composto por até 34 caracteres, depende de cada país. Seus caracteres se organizam da seguinte forma:


- os dois primeiros caracteres identificam o código do país: no caso do Brasil
- os dois números seguintes são dígitos verificadores, que podem variar de 02 a 98
- os próximos oito números identificam a instituição financeira: 22803782
- cinco números servem para identificar a agência bancária (sem o dígito verificador)
- os dez números seguintes correspondem à conta bancária do cliente (com o dígito)
- o penúltimo caractere alfanumérico é referente ao tipo de conta, conforme dicionário de tipos do Catálogo de Mensagens e de Arquivos do SFN
- o último caractere é relacionado à identificação do titular da conta seguindo a ordem da listagem de titulares: 1 (para primeiro ou único titular)

A maioria dos países adotam o código IBAN, pois ele é muito útil para diminuir possíveis erros nas transferências internacionais. Os países que não adotam o IBAN utilizam o número da conta. No padrão brasileiro de pagamentos internacionais, o número da conta é equivalente ao seu número de IBAN.


IFSC

O IFSC (Indian Financial System Code) é um código que facilita transferências de valores para a Índia, presente apenas em contas bancárias indianas.


BLZ


O código bancário BLZ (Bankleitzahl) é um número de identificação internacional utilizado pelos bancos austríacos. É equivalente ao SWIFT, sendo uma alternativa em casos de transferências internacionais para a Áustria.


"Todos esses código desempenham um papel importante nas transferências e, na Exon, nós fazemos o possível para facilitar esse processo. Nossa plataforma realiza as transferências de forma ágil e sem complicações. É tudo muito simples e intuitivo. Além disso, fornecemos auxílio, rapidez e transparência durante todo o processo de cadastro e operações”, destaca Matheus Carnelossi, COO da EXON.


Não se preocupe em decorar os códigos ou suas funções, sua plataforma escolhida irá auxiliar nos processos e sanar todas suas dúvidas.

Sobre a Exon


A Exon é uma plataforma de transferências financeiras para empresas importadoras/exportadoras que une tecnologia de ponta e atendimento especializado. A plataforma também atende pessoas físicas que necessitam transacionar valores em moeda estrangeira.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Cotação Dólar