Fatel

Notícias

Quais os descontos sobre a segunda parcela do 13º salário?

A segunda parcela deve ser feita até 20 de dezembro, incidindo descontos do INSS, Imposto de Renda e pensões alimentícias

Aqueles que terão o 13º salário pago em duas parcelas devem ficar atentos aos descontos aplicados sobre o segundo pagamento, que incide valores do INSS, Imposto de Renda e pensões alimentícias. O pagamento da primeira parcela deveria ter sido pago até 30 de novembro aos trabalhadores, e a segunda deve ser feita até 20 de dezembro.

Como funcionam as parcelas e descontos do 13º salário?

A primeira parcela do pagamento é paga integralmente e sem descontos. Para aqueles que recebem o pagamento do 13º salário em duas parcelas, a segunda parcela equivale ao salário de novembro, descontando Imposto de Renda e INSS. Dessa maneira, o valor da segunda parcela será menor que o da primeira. Além disso, se o salário sofrer reajuste depois do pagamento da primeira parcela, e o trabalhador deve receber a diferença junto com a segunda parcela. A empresa também não precisa pagar as parcelas para todos os funcionários ao mesmo tempo.

Quais os descontos sobre a segunda parcela do 13º salário?

Sobre a segunda parcela, são descontados o Imposto de Renda, INSS, pensões alimentícias e o valor da primeira parcela já paga. Em suma, o valor da segunda parcela será menor que o da primeira. Assim, aqueles que desejam calcular a segunda parcela do 13º salário devem considerar os descontos. Os números abaixo foram retirados de matéria da Exame.

Desconto do INSS

  • Salário de até R$ 1.659,38 tem desconto de 8%;
  • De R$ 1.659,39 a R$ 2.765,66 tem desconto de 9%;
  • De R$ 2.765,67 até R$ 5.531,31 tem desconto de 11%;
  • Acima de R$ 5.531,31 tem desconto de R$ 608,44.

Imposto de renda também abate no valor

  • Salário de até R$ 1.903,98 não tem desconto ou parcela a deduzir;
  • De R$ 1.903,99 a R$ 2.826,65 possuem desconto de 7,5%, com a dedução de uma parcela de R$ 142,8;
  • De R$ 2.826,66 a R$ 3.751,05 possuem desconto de 15%, com a dedução de uma parcela de R$ 354,8;
  • Salários de R$ 3.751,06 a R$ 4.664,68 possuem desconto de 22,5%, com a dedução de uma parcela de R$ 636,13;
  • Acima de R$ 4.664,68 possuem desconto de 27,5%, com a dedução de uma parcela de R$ 869,36.

Além disso, há desconto das pensões alimentícias. Neste ano onde o dia 20 cai no fim de semana, o pagamento da segunda parcela deve ser feito até 18 de dezembro.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Janeiro/2021
D S T Q Q S S
     0102
03040506070809
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Cotação Dólar